Sala Vip

Soraya Guimarães

01/04/2019

1
 
Foto: Kadu Martins
 
A vida conduziu Soraya Guimarães para caminhos que a projetou o redescobrimento profissional e, consequentemente, a realização na áque que atua. Ao findar o curso de Pedagogia, ela iniciou MBA em Marketing e, assim sendo, atuou formalmente no setor comercial durante 22 anos. No entanto, a sua trajetória profissional sofreu uma reviravolta, após constatar que o filho caçula tinha autismo.
Com o foco centrado pela busca da qualidade de vida dele, ela não mediu esforços e iniciou uma longa caminhada de estudos para compreender esse universo peculiar. "Procurei uma pós-graduação em Transtorno do Espectro Autista (TEA), para que eu, como Pedagoga de formação, pudesse entender melhor o autismo e ajudar meu filho", conta ela. Prevendo as possíveis dificuldades que iria enfrentar, absorveu os conhecimentos que adquiriu na pós-graduação para auxiliar, não só o filho, mas também outras mães que confrontavam com a mesma realidade.
Nesse período, Soraya conciliava a dupla jornada de trabalho, no setor comercial, a horas de estudos extensas. Logo, o amor pelo atendimento especializado falou mais lto, e ela teve que fazer uma escolha decisiva. "Senti que a área comercial não me fazia mais feliz e, como sempre me intitulei uma apaixonada pela educação, o lado Pedagoga fez fluir em mm uma vontade de fazer a diferença na vida de outras pessoas e não só na do meu filho. Mesmo com receios e medos, mudei por completo a minha profssão", revela.
Com especializaão em Neuropsicopedagogia, pós graduanda em Análise Aplicada do Comportamento (ABA) e pós graduação em Psicopedagogia e Educação Especial, atualmente, ela dedica-se ao atendimento educacional edpecializado e na aplicação de programas de análise aplicada do comportamento (ABA), voltado às crianças autistas.
A profissão tornou-se um ato de amor e um instrumento para dar expressão as suas próprias capacidades. E, com essa convicção, ela tem a certeza de que escolheu o melhor para seguir. "Toda a minha experiência de 15 anos, como mãe de um menino com TEA, me faz ter a convicção de que estou no caminho certo", garante a psicopedagoga que ainda ressalta que o fato de ter um filho autista, lhe permite mensurar, com mais clareza, os desafios diários das mães que a procuram. "Além de ser uma profissão especializada em TEA, sou mãe de um menino com autismo. Isso me faz entender melhor cada dificuldade que enfrentamos em casa, na escola e no convívio social, me fez mergunhar nos medos, dúvidas e inseguranças dos pais, e aind compreender aquele universo para ajudar toda a família da melhor maneira possível", esclarece.
Um dos momentos mais felizes e significativos do ofício é quando ela fica frente a frente com cada criança que tem a oportunidade de atender. "O que me move é poder contribuir para o aprendizado, crescimento e para a autonomia dos 'meus meninos e meninas'", frisa ao utilizar essa expressão carinhosa o referir-se às crianças autistas. Apesar das dificuldades, ela supera seus limites com amor. "O maior desafio é se superar a cada dia, é ser fonte motivadora e contribuir de todas as formas para a superação do outro, pontua. Para ela, a bússola para ser bem-sucedido na profissão aponta para quatro nortes: estudo, dedicação, experiência e amor pelo que faz.
Soraya se define como dedicada, estudiosa e persistente. Traços fundamentais para atuar na área que tanto a realiza. O grande sonho que ela carrega no coração é acabar o preconceito que as pessoas ainsa têm com os autistas. E quando questionada sobre como se vê daqui a uma década, ela responde: "Com muito mais cursos na área e vendo meus aprendizes com autonomia na vida." É com essa perspectiva que ela escreve sua história de superação e vitória.
 

Últimos Registros:







Ver todos os registros






AS MAIS LIDAS*

1
1
1
1
1
1
1
1
1
1
* Notícias mais acessadas da semana


Twitter @fashionnews_



Encontre-nos

twitter Facebook



Copyright © 2019
Todos os direitos reservados a Fashion News
Webmail - Administração

Fuzzon